Valdevan Noventa - Um líder não nasce por acaso!

9 de Março de 2018

Assembleia de trabalhadores da Zona Oeste fortalece campanha salarial da categoria

Assembleia de trabalhadores da Zona Oeste fortalece campanha salarial da categoria

Encerrando uma semana repleta de atividades, foi realizada na tarde desta sexta-feira (09), a assembleia com a participação expressiva dos trabalhadores das garagens da Zona Oeste, na Quadra da Escola de Samba Caprichosos do Piqueri.

Mais uma vez, os dirigentes do SINDMOTORISTAS reiteraram que o contexto em que acontece a campanha salarial deste ano é bastante distinto, pois há um pacote de maldades em forma de Lei (nº 13.467) contra a classe trabalhadora e que certamente os empresários de ônibus vão usar nas negociações salariais que devem iniciar em breve.

Ainda há outro complicador que é a licitação no transporte público da capital, que prevê redução da frota o que pode significar redução dos postos de trabalho.  Enfim, a categoria precisa estar preparada para superar os obstáculos que devem surgir no decorrer na campanha.

“Estamos atentos a todos os movimentos do Poder Público e do setor empresarial, que já estão cientes sobre a nossa posição de que não aceitaremos retrocesso. As discussões devem ser exclusivamente para tratar da pauta de reivindicações, ou seja, da valorização dos nossos direitos”, afirmou o presidente do sindicato, Valdevan Noventa.

Na assembleia, recordaram que a atual gestão sempre garantiu reajuste salarial acima da inflação, acabou o genérico beneficiando mais de 8.500 trabalhadores que viviam sob regime de exploração, manteve na luta o emprego de 19 mil cobradores e uma conquista sonhada pelos trabalhadores da manutenção que foi a inclusão do plano de cargos e salários do setor no acordo coletivo da categoria.

Essas e outras relevantes conquistas reforçam a confiança da direção do sindicato no sucesso da campanha salarial. Noventa só lamentou alguns fatos isolados e desagradáveis de pessoas sem qualquer compromisso com a categoria e que vivem plantando mentiras nas redes sociais a respeito de uma pauta de reivindicações fora na realidade. “Nossa resposta aos oportunistas é o trabalho e o compromisso com a verdade. Jamais vamos iludir nossos companheiros. O desafio é grande, mas o importante é que estamos prontos para a guerra”.

Foram apresentados os nomes dos trabalhadores das garagens da região Oeste que estarão na comissão de negociação e referendados na assembleia.

Noventa defendeu a campanha pé no chão, com destaque para o reajuste salarial de 5% + inflação; PLR de R$2.000,00; vale refeição de R$25,00; convênio odontológico gratuito; auxílio funeral gratuito e salário diferenciado para os operadores dos trólebus, articulados e biarticulados. Também, por sugestão das companheiras foi incluída na pauta de reivindicações que as empresas devem abonar o ponto das trabalhadoras que forem levar seus filhos ao médico.  A proposta foi aprovada por unanimidade.

Antes de encerrar o evento, o presidente do sindicato convocou toda a categoria para comparecer em massa na assembleia geral na próxima terça-feira (13), às 15 horas, no CMTC Clube (Av. Cruzeiro do Sul, 808, Armênia, São Paulo), onde será colocada em votação texto final da pauta de reivindicações a ser negociada com o patronal e um plano de luta. “Eu não tenho dúvida que com os trabalhadores unidos, a vitória será certa”, finalizou o presidente do sindicato.