Valdevan Noventa - Um líder não nasce por acaso!

25 de Março de 2019

“Sou sindicalista. Sempre defendi os trabalhadores e isso nunca foi segredo para ninguém”, diz Valdevan Noventa

“Sou sindicalista. Sempre defendi os trabalhadores e isso nunca foi segredo para ninguém”, diz Valdevan Noventa

A última sexta-feira (22) foi marcada por manifestações contra a Reforma da Previdência, realizadas em diversas cidades do país. O deputado federal Valdevan Noventa (PSC-SE), esteve em São Paulo, participando da ação organizada pelo Sindmotoristas, sindicato filiado à União Geral dos Trabalhadores (UGT).

“Jamais aceitarei que o Governo e os patrões hajam na contramão da democracia. Como se não bastasse a maléfica Reforma Trabalhista, estão querendo mexer nos direitos previdenciários, tornando a aposentadoria algo impossível de se alcançar. Não o bastante, continuam apresentando projetos antipopulares que visam desmontar os sindicatos, favorecer a exploração do trabalho e o aumento da desigualdade social”, afirmou o parlamentar que também é presidente do maior sindicato do setor de transportes da América Latina, o Sindmotoristas.

REFORMA PODE PROVOCAR GREVE

Conforme o deputado e sindicalista, as manifestações organizadas em todo o país tiveram um único objetivo: chamar atenção do Congresso em repúdio às medidas de Bolsonaro.  “Foram milhões de pessoas às ruas. Para se ter uma ideia, nossa assembleia reuniu mais de seis mil pessoas, trabalhadores em transportes em transportes rodoviários,  que já sinalizaram provocar uma greve na maior cidade do país”, contou.

REPRESENTATIVIDADE E COMPROMISSO

A aparição do deputado sergipano em São Paulo foi questionada por alguns veículos de comunicação. “Não entendi as críticas… Afinal, nunca escondi as minhas raízes. Sou sindicalista, sempre defendi os trabalhadores e isso não é segredo para ninguém. Antes de ser deputado federal, já era presidente do Sindicato dos Motoristas de São Paulo”, disse.

“Não fujo das minhas responsabilidades. Minhas emendas e articulações são e sempre serão voltadas a Sergipe. Mas as pessoas precisam entender que minha representatividade legislativa é nacional, afinal sou um deputado federal. E, assim como honro o meu compromisso com Sergipe, também preciso honrar e defender os trabalhadores representados pelo sindicato que presido”, explicou.

O TEMA É SÉRIO

 “Trata-se de um manifesto contra a Reforma da Previdência. O tema é grave, abrange o país inteiro, e as pessoas não estão se dando conta que o seu futuro está ameaçado. Ao invés de debaterem o assunto, preferem desviar o foco e questionarem onde estive”, concluiu.