Valdevan Noventa - Um líder não nasce por acaso!

5 de Fevereiro de 2020

Valdevan Noventa anuncia investimento de R$ 17,7 milhões para Saúde Sergipana

Valdevan Noventa anuncia investimento de R$ 17,7 milhões para Saúde Sergipana

O deputado federal Valdevan Noventa (PSC-SE) divulgou no início desta semana investimento de sua autoria da ordem de R$ 17,7 milhões a 39 municípios sergipanos. Os recursos que já foram liberados podem ser utilizados no Incremento Temporário ao Custeio dos Serviços de Atenção Básica (PAB). Segundo Valdevan, os recursos abrangem a promoção e a proteção da Saúde no âmbito municipal.

O parlamentar informou que foram contemplados os municípios de Arauá, Boquim, Campo do Brito, Canindé do São Francisco, Carmópolis, Cristinápolis, Divina Pastora, Estância, Frei Paulo, Indiaroba, Itabaianinha, Itaporanga d’Ajuda, Japoatã, Macambira, Malhador, Maruim, Moita Bonita, Muribeca, Neópolis, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora de Lourdes, Nossa Senhora do Socorro, Pacatuba, Pedrinhas, Pinhão, Poço Redondo, Propriá, Riachão do Dantas, Riachuelo, Ribeirópolis, Rosário do Catete, Santa Rosa de Lima, Santo Amaro, São Cristóvão, São Domingos, Simão Dias, Tobias Barreto e Umbaúba.

“Não tenho dúvidas que esses recursos darão melhor atendimento aos munícipes. Desde o início do nosso mandato, trabalhamos em áreas de maior necessidade entre os sergipanos. Os municípios poderão dinamizar e equipar postos de saúde, as equipes de Saúde da Família e desenvolver ações de prevenção das diversas doenças”, informou Valdevan Noventa.

Para Valdevan, o seu objetivo é melhorar a qualidade de vida da população sergipana. “Estou no parlamento trabalhando, não estou em Brasília de braços cruzados”, disse o deputado ao completar “semanalmente recebo prefeitos das diversas regiões de Sergipe, mesmo aqueles que não me apoiaram”, completou.

Segundo o deputado novos investimentos serão anunciados em alguns dias. “Tivemos um ano muito proveitoso, em breve anunciaremos mais investimentos na área agrícola, educação e infraestrutura urbana”, disse Valdevan.